fbpx
Instituto Kailua - O ensino que vai até você!
WhatsApp: +55 (21) 98304-0143 | +55 (21) 98304-0135

AULAS PARTICULARES: O MODO MAIS EFICIENTE DE APRENDER UM NOVO IDIOMA

Aprender um novo idioma é o sonho, e uma necessidade, de muitos brasileiros e o meio mais eficiente de conseguir este objetivo são as aulas particulares.

Em muitos países do mundo, a alfabetização ocorre em duas, ou até mais, línguas, o que permite que, desde cedo, as pessoas destes países saibam além de sua língua nativa, um outro idioma.

Aprender um novo idioma, desde os primeiro anos de vida, facilita o aprendizado deste novo idioma e de qualquer outro que venha a ser estudado durante a vida.

Aulas particulares são mais eficientes

No Brasil, no entanto, a realidade da maioria das pessoas não é essa. O estudo de um segundo idioma se dá em idades mais avançadas, bem após a alfabetização, o que dificulta a aprendizagem para muita gente.

Isto causa uma desvantagem no mercado de trabalho e no dia a dia, de modo geral, já que o português não é uma língua universal, como o inglês ou o francês, o que torna os horizontes profissionais e pessoais de quem fala apenas o português muito limitados.

Diante disso, é importante buscar métodos mais eficazes de aprendizado de um novo idioma, para aproveitar ao máximo a aprendizagem.

Você verá, neste artigo, porque ter aulas particulares é o modo mais eficiente de aprender um novo idioma, por conta de suas vantagens e características, que tornam uma aula particular o método mais inovador e arrojado, para aprender uma nova língua.

Vantagens das aulas particulares

Estamos acostumados, no Brasil, com o modelo de aulas em grupo, sejam elas grandes ou pequenas.

Tradicionalmente, e incorretamente, diga-se de passagem, as aulas particulares são consideradas apenas para “reforço”, sendo direcionadas somente para os estudantes que enfrentam dificuldades de aprendizado na sala de aula “tradicional”.

Este senso comum é terrivelmente falho, não apenas porque ignora as diversas vantagens de ter uma aula particular, mas também porque colocar em um patamar inferior àqueles que optam por aprender neste método.

As aulas em grupos não são ideais para todos, como o sistema vende, e não tem o dinamismo que uma aula particular certamente terá.

  • Horários adaptáveis

O cotidiano profissional e pessoal da maioria de nós é profundamente agitado e repleto de atividades. Imprevistos, compromissos de última hora, sejam pessoais ou profissionais, acontecem o tempo todo.

Em uma aula realizada em grupo, é praticamente impossível que uma aula seja remarcada por conta de apenas um aluno. Mas, se este aluno for você, a aula e o conteúdo dela serão perdidos, muitas vezes, sem a possibilidade de reposição.

Aulas em grupos pequenos também tem um bom histórico de sucesso

No caso das aulas particulares, a remarcação da aula, quando for necessário, é bem mais fácil, já que se trata apenas de uma simples conversa entre professor e aluno, não dependendo ou prejudicando alguém mais.

Isto dá ao processo mais dinamismo, permitindo que aula se adeque ao seu cotidiano e não o contrário.

  • Aprendizagem individualizada e personalizada

As aulas particulares irá seguir o seu ritmo de aprendizado, ela é feita para isso. Em uma aula em grupo, é comum ocorrer que um aluno esteja mais avançado que a sua turma, porém, ele terá que acompanhar a turma e isso irá atrasar o seu desenvolvimento pessoal na aprendizagem de um novo idioma.

Por outro lado, se o aluno de uma aula particular estiver com alguma dificuldade específica, este ponto poderá ser abordado de forma individualizada, o que não é possível em uma aula em grupo.

Outro ponto interessante é que, se um aluno for profissional da área do Direito, por exemplo, a aula pode ser direcionada aos conteúdos mais relevantes do Direito, no idioma que estiver sendo ensinado na aula.

Já se o aluno estiver fazendo a aula particular para uma viagem a truísmo, por exemplo, o conteúdo pode ser direcionado à conversação mais comum e necessária ao turista.

  • Relacionamento entre professor e aluno

Muitas vezes, nas aulas em grupo, existe uma relação hierarquizada entre professor e alunos. Por conta de serem muitos alunos, o professor acaba tendo que se impor, sendo que, algumas vezes, isto acaba por resultar em uma relação distante e impessoal entre professores e alunos.

Nas aulas particulares isso não ocorre. O sucesso direto do professor é que o aluno aprenda um novo idioma e, por isso, a relação pessoal entre ambos é fundamental.

O professor precisa entender as dificuldades e as necessidades do seu aluno, enquanto o aluno precisa ter liberdade com o professor para que ambos direcionem as aulas ao melhor aprendizado.

Portanto, a relação deve e será mais amigável em uma aula particular.

  • Comodidade

O local em que a aula é realizada também influencia muito o engajamento do aluno com o aprendizado de um novo idioma.

Para muitos, um grande fator de desmotivação, na hora de aprender um novo idioma, é o fato de ter que se deslocar de casa, até uma escola, para realizar a aula.

O mundo é bilíngue. Porque você ainda não é?

Cansaço, o dia chuvoso, trânsito caótico, todos estes serão motivos pelos quais uma pessoas pode deixar de ir a uma aula.

No caso das aulas particulares, elas podem ser realizadas em um local mais adequado e cômodo ao aluno, para que ele se sinta confortável em ir ao local da aula, seja ela em qual dia ou situação for.

O modelo de aulas em grupo não é adequado para todos e, ao contrário do que podem querer que você acredite, as aulas particulares não são apenas para reforço de uma dificuldade específica, mas sim, um método eficiente para aprender um novo idioma.

Comentários

Comentários

Posts Relacionados