header-logo.png Instituto Kailua
A educação na Alemanha
alemanha, alemão, aprender alemão, aprender idiomas, educação na alemanha, instituto kailua,

A educação na Alemanha

Enquanto no Brasil o único critério de seleção de quase todas as universidades é a nota do vestibular, já nos Estados Unidos, por exemplo, o candidato precisa passar em sua maioria das vezes por cinco etapas. E essa regra vale para todos, inclusive para candidatos estrangeiros. Nós ganhamos essa!

Aí você me diz: Qual a diferença? No Brasil também tem universidade de graça!

E eu digo: Espera aí meu amigo, você já foi estudar por lá? No Brasil temos Universidades ótimas reconhecidas mundialmente, mas para entrar nelas precisamos ser muito dedicados, ou fazer como 90% do pessoal e pagar cursinho! Na Alemanha não tem cursinho. Isso não quer dizer que seja fácil de entrar.

Ponto para os alemães: “Com educação básica em altíssimo nível, não fica difícil ter ensino superior de qualidade. Os alemães têm cinco universidades entre as cem melhores do mundo de acordo com o último ranking universitário THE (Times HigherEducation). Já o Brasil não tem representante nem entre as 200 melhores da lista (a USP, melhor do Brasil, está em 226º lugar no mundo)”. (Fonte)

Das universidades e institutos de pesquisa da Alemanha saíram 103 prêmios Nobel, titulação máxima alcançada por um cientista. Nesse placar, estamos 103 x zero. A Argentina, nossa arqui-inimiga no futebol, que não tem um ensino superior lá tão consolidado, tem 4 prêmios Nobel”. (Fonte)

É lógico que entrar na Universidade não é fácil. É óbvio que o processo é difícil. Assim como no Brasil, ser universitário é um desejo de muita gente. Eu já estudei na Alemanha, e pra ser honesta, passei raspando. Quase não entrei, porque não tive uma educação básica de alemão.

Ponto para os alemães: Na educação básica, a Alemanha está rankeada relativamente bem, ainda mais em matemática e ciências. De acordo com a última pesquisa da OCDE/PISA (2012) de padrões educacionais entre jovens de 15 anos, a Alemanha está em 12º lugar em matemática, nono na ciência e 20º na literatura, se comparada com 65 países e economias. Notavelmente, mais de metade de todos os estudantes na Alemanha ingressa no ensino superior. (Fonte)

Segue uma pequena lista de algumas das centenas de Universidades gratuitas alemães:

Considerações finais: Ao longo desse artigo vemos o quanto é válido o investimento no idioma alemão que torna o profissional gabaritado e bem sucedido. Isso tudo de modo gratuito, os custos da passagem apenas é financiado pelo próprio estudante. Mas as universidades alemães são gratuitas sobretudo para estudantes estrangeiros do mundo todo.

Compartilhe em suas redes sociais:

RSS
E-mail
Twitter
Visit Us
Follow Me
YouTube
YouTube
LinkedIn
Share
Instagram

Sobre o autor:

Rafaella Galdino

Rafaella Galdino

Possui um perfil lúdico, onde sua filosofia de ensino é pautada no construtivismo, vertente defendida por Jean Piaget. Para ela, a melhor forma de aprender um idioma é brincando, rindo e interagindo! Tanto na língua portuguesa quanto na língua alemã.
Amante dos filmes clássicos alemães, ama a cultura nórdica em geral, por isso seus alunos sempre estarão atualizados, sobretudo, quanto a cultura germânica!.
Ela entende que o erro é o processo de aprendizado e não algo negativo, então com os erros que aprendemos a acertar, faz parte do processo!.
Adora conversar, viajar e interagir com todos ao seu redor com muita alegria e carinho ! Por isso bom humor, competência e aprendizado é garantido! De modo eficaz e divertido com a professora Rafaella Galdino!

0 0 vote
Avaliação do artigo
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments