header-logo.png Instituto Kailua
Como estudar inglês para o Enem?
Dicas, enem, estudo, Idiomas, Inglês, prova, vestibular,

Como estudar inglês para o Enem?

Como estudar inglês para o Enem?

Escritor por professora Natália Ricardo
É sabido que estudar para o Enem nos faz sentir muitas coisas, como nervosismo, ansiedade e euforia, por exemplo. Todos esses sentimentos nos fazem ficar ainda mais preocupados, seja com a quantidade de conteúdo para estudar ou se haverá tempo para revisar todo o conteúdo.
Pensando nas questões acima mencionadas e na importância da prova do Exame Nacional do Ensino Médio, o Instituto Kailua preparou algumas dicas para saber o que é adequado e como isso pode ser aplicado na prova de inglês.
Confiram as dicas a seguir:

1. Analise questões de provas anteriores.
É comum a repetição de padrões nas provas de língua estrangeira. Para tanto, tente resolver, ao menos, provas dos três últimos anos. Além de dar uma base, ajudará a verificar quais pontos devem ser focados e retirados do seu plano de estudo.

2. Estude gêneros textuais.
A prova de inglês do Enem abrange diversos gêneros textuais, sejam eles: trechos de música, artigos de jornais, tirinhas, anúncios publicitários e charges, por exemplo. À medida que essas atividades forem sendo realizadas, observe com quais possui mais familiaridade. Esse método ajudará a adquirir mais confiança.

3. Atenção redobrada aos enunciados.
Tradicionalmente, os enunciados são um pouco mais longos do que as questões de interpretação. Nesses casos, toda a atenção é pouca. Isso se dá porque os enunciados costumam apresentar uma riqueza de detalhes e palavras-chave que ajudarão muito na resolução. Aconselha-se que essas palavras sejam analisadas contextualmente com calma, visto que, a partir desse ponto de partida, será possível identificar a resposta certa.

4. Foco no título.
O título é utilizado para expor as ideias sobre o conteúdo e, em alguns casos, resumir a ideia central do texto. Dessa forma, uma vez que haja atenção na leitura do título, o texto poderá ser entendido mais facilmente.

5. Não foque na gramática.
Raramente o Enem apresenta questões de gramática. O padrão apresentado, ao menos até a edição anterior, contemplava questões de interpretação de textos. Em contrapartida, é indiscutível que um estudante que tenha um domínio, ainda que razoável de gramática, tende a ter mais facilidade com a leitura e/ou análise de estruturas.

6. Administre bem o seu tempo.
A parte de língua estrangeira conta com poucas questões, mas se não souber administrar o tempo de resolução, esses pontos podem ser perdidos desnecessariamente. Quanto mais exíguo o tempo para resolver as questões, mais as letras se embaralham, o nervosismo se acentua e cansativa a prova se tornará.

7. Leia notícias do mundo atual.
As provas tendem a apresentar ora notícias contextualizadas ora diversos temas que irão se correlacionar em algum momento. Dessa forma, será possível encontrar provas que falem sobre sustentabilidade, geopolítica, artes e economia. Lembre-se de manter a mente conectada com todos os acontecimentos ao redor do mundo.
Caso queira, duas ou três vezes por semana separe um tempo para se dedicar à leitura de notícias internacionais. Considerando que o Enem costuma apresentar diversos tipos de gêneros textuais, conhecer maneiras de escrever de outros países ajudará mais ainda. Busque formular pensamentos críticos sobre os temas e isso poderá acrescentar, também, na redação.
Enquanto estiver estudando para o exame, observe atentamente a estrutura dos enunciados. Analise a versatilidade dos textos apresentados e calcule o tempo. Ele é o principal adversário nesse tipo de provas.

As dicas expostas acima reforçam que refazer as questões para entender os erros e acertos é fundamental. Essa prática ajudará a entender os erros, acertos e calcular o tempo.
Salientamos que conhecimento de vocabulário não é suficiente, pois a interpretação é parte fundamental. Nesse sentido, sugerimos que seja desenvolvido o quanto antes um hábito de leitura de textos em inglês, que pode ser sites de notícias ou livros. Essas atitudes ajudarão tanto a adquirir vocabulário quanto interpretar um texto adequadamente.
Quer garantir uma boa colocação no Exame? Contamos com professores capacitados e aulas de reforço que te ajudarão a chegar ainda mais rápido no topo!
Conheça os cursos do Instituto Kailua e esteja pronto para ingressar na universidade!
Good luck!

Compartilhe em suas redes sociais:

RSS
E-mail
Twitter
Visit Us
Follow Me
YouTube
YouTube
LinkedIn
Share
Instagram

Sobre o autor:

Natália Ricardo

Natália Ricardo

Nascida no interior do Rio de Janeiro e formada em Letras pela UERJ. Eu cresci rodeada de livros e hoje me encanta ler e ouvir histórias. Uma pessoa apaixonada por culturas diferentes, dias de sol escaldante e mar convidativo. Adoro viajar, ler bons livros e assistir filmes de suspense.

0 0 vote
Avaliação do artigo
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments