header-logo.png Instituto Kailua
Como fazer uma boa redação
Aula online, aula particular, aula remota, Idiomas, instituto kailua, redação,

Como fazer uma boa redação

Inicialmente, para que uma redação seja bem feita, é preciso desfazer a ideia de que escrever é um processo difícil. Uma redação consiste em transcrever as ideias de maneira organizada e com as regras gramaticais vigentes. 

É importante mencionar que a redação deve ter uma estrutura organizacional. Sendo assim, o texto deve ter introdução, desenvolvimento e conclusão.

Para melhor entendimento, observe a seguir alguns passos para fazer uma redação de qualidade.

1. Selecione palavras simples

Utilize palavras com segurança. Caso haja dúvidas quanto ao significado ou grafia, substitua por um sinônimo. Tenha em mente que palavras rebuscadas não garantem que a redação seja bem avaliada.

2. Escreva com clareza

Procure não deixar informações subentendidas ou para o imaginário do leitor. Expresse com clareza a sua informação ou ideia.

3. Seja objetivo

Dependendo da quantidade de linhas disponíveis, a sua ideia deverá ser expressa com um determinado número de palavras. Sendo assim, evite repetir ideias ou empregar palavras desnecessárias apenas para preencher espaço.

4. Não perca o foco

Ao escrever um texto, é preciso que o foco não seja desviado. Embora diversos elementos ou fatos sejam incluídos ao longo do texto, é importante que o tema central não seja substituído. Portanto, cuidado para não se perder e colocar a atenção sob aspectos acessórios.

5. Construa um texto coerente

Construir um texto coerente é o mesmo que estabelecer uma relação lógica entre as palavras. Para tanto, é preciso que as ideias façam sentido com o tópico proposto e que as ideias se complementem.

6. Enfatize as partes importantes

Ao redigirmos um texto, alguns pontos deverão ser destacados para embasar os argumentos, sobretudo no início do texto. Para esses trechos, reúna argumentos que atraiam a atenção do leitor. Concluir o texto com as ideias propostas inicialmente é uma boa maneira de destacar a importância do tópico proposto e/ou escolhido.

7. Releia antes de entregar

Para que um texto seja bem construído, é preciso que haja um planejamento e organização das ideias. Ainda que haja um domínio das regras gramaticais, vale reler o texto. Pode ser que algum ponto não tenha ficado bem explicado, por exemplo.

Caso esteja escrevendo o seu texto no computador, essa tarefa fica ainda mais fácil. É possível ver se os períodos estão muito longos ou se as ideias estão repetitivas.

8. Não esqueça do título

Esse ponto não é o menos importante. Entretanto, é sabido que o texto passa por diversas transformações à medida que vai sendo construído. O título deve ser atraente e não muito longo.

Se há tempo disponível, passe o seu texto a limpo. Reorganize as ideias do rascunho, verifique a pontuação e escreva o mais legível que puder. Lembre-se que há muitos candidatos a serem avaliados. Sendo assim, quanto mais claro, inteligível e objetivo o seu texto estiver, mais chances você terá.

Vale destacar que a leitura é uma grande aliada nos momentos de construção textual. Quanto mais universos e pontos de vista descobrimos, mais argumentos e repertório de palavras teremos. Além disso, ajuda a estimular a imaginação e ajuda a prevenir doenças degenerativas. Se você não tem esse costume, inicie com livros pequenos e com uma linguagem mais acessível.

Leia notícias internacionais. Com o advento da internet, o acesso às informações tem ficado cada vez mais facilitado. Então utilize esse recurso a seu favor! Com o tempo, será possível fazer associações no seu texto, que poderá enriquecer ainda mais a argumentação.

Lembre-se que a prática é extremamente importante! Apenas praticando será possível perceber quais são os pontos fortes ou os aspectos que precisam ser trabalhados. Além disso, o ato contínuo trará conforto e diminuirá o nervosismo, além de trazer confiança.

Comece escrevendo sobre temas que goste ou que gostaria de saber mais. Essa prática ajuda a buscar mais materiais, além de instigar a leitura. Quando se sentir mais confiante, escreva sobre temas que não tem domínio, mas que acha interessante. Com o passar do tempo, o processo da escrita se tornará natural e prazeroso.

Conhece outras dicas? Que ótimo! Conte para nós quais estratégias você utiliza para fazer uma boa redação!

Compartilhe em suas redes sociais:

RSS
E-mail
Twitter
Visit Us
Follow Me
YouTube
YouTube
LinkedIn
Share
Instagram

Sobre o autor:

Natália Ricardo

Natália Ricardo

Nascida no interior do Rio de Janeiro e formada em Letras pela UERJ. Eu cresci rodeada de livros e hoje me encanta ler e ouvir histórias. Uma pessoa apaixonada por culturas diferentes, dias de sol escaldante e mar convidativo. Adoro viajar, ler bons livros e assistir filmes de suspense.

0 0 vote
Avaliação do artigo
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments